Sergipe tem 65,8 mil casos da Covid-19 e registra 1.653 mortes

Sergipe tem 65,8 mil casos da Covid-19 e registra 1.653 mortes

13/08/2020 as 08:00

Exames de Covid-19  — Foto: Odair Leal/Secom/Arquivo

Exames de Covid-19 — Foto: Odair Leal/Secom/Arquivo

Na noite desta quarta-feira (12), a Secretaria de Estado da Saúde (SES) apresentou o novo Boletim Epidemiológico sobre a Covid-19 com 65.865 mil casos da doença em Sergipe e 1.653 óbitos. Foram registrados 410 novos casos e 21 mortes. Dos óbitos, 20 estavam em investigação e foram confirmados. 52.205 pacientes foram curados.

São oito mortes de Aracaju, com cinco homens: adolescente de 13 anos, com doença neurológica crônica; 82 anos, sem comorbidades; 85 anos, com doença cardiovascular; 51 anos, com hipertensão; e 71, com diabetes, hipertensão, obesidade e doença renal crônica. As mulheres são: 80 anos, com hipertensão e neoplasia; 67 anos, com hipertensão, diabetes e obesidade; e 73 anos, com hipertensão.

No interior do estado ocorreram as outras 13 mortes. Em Itabaiana, três delas: dois homens, de 28 anos, com diabetes e doença renal crônica, e 34 anos, com hipertensão, cardiopatia e doença renal crônica; e mulher, 94 anos, com hipertensão e neoplasia. De Lagarto, duas mulheres, de 24 anos, com neoplasia e doença renal crônica, e 63 anos, com cardiopatia e hipertensão.

Em outros municípios: mulher, 53 anos, de Aquidabã, com neoplasia; homem, 66 anos, de Areia Branca, com diabetes e doença cardiovascular; mulher, 81 anos, residente de Campo do Brito, com cardiopatia e hipertensão; homem, 62 anos, de Estância, sem comorbidades; mulher, 88 anos, de Moita Bonita, com cardiopatia; criança do sexo masculino, de dez anos, moradora de Nossa Senhora do Socorro, com imunossupressão; homem, 82 anos, de Pacatuba, com diabetes, doença cardiovascular e doença renal crônica; e homem, 81 anos, de Simão Dias, com cardiopatia e doença pulmonar obstrutiva crônica.

Foram realizados 116.821 exames e 50.956 foram negativados. Estão internados 484 pacientes, sendo 216 em leitos de UTI (141 na rede pública, sendo 140 adultas e 1 pediátricas; e 75 na rede privada, sendo 74 adultas e 1 pediátricas) e 268 em leitos clínicos (170 na rede pública e 98 na rede privada). São investigados mais três óbitos. Ainda aguardam resultado 966 exames coletados.